Tigris, a nova montanha russa do Busch Gardens

Tigris Track and Car

O Busch Gardens Tampa Bay consolida sua posição como líder em atrações radicais da Flórida com o lançamento da Tigris, nova montanha-russa de aço, com triplo arremesso e considerada a mais alta deste tipo na Flórida. A novidade chega ao parque no segundo trimestre de 2019.

Em uma experiência inovadora, a Tigris levará os aventureiros para voltas em looping, quedas ousadas, uma subida impulsionada de  45 metros de altura e um giro no próprio eixo, tudo isso a quase 100 km/h. A Tigris proporcionará uma jornada por mais de 500 metros de trilhos de aço projetados para simular a inspiradora agilidade de um dos felinos mais poderosos do mundo, o tigre.

“A Tigris será um incremento muito forte para a nossa família de atrações radicais já mundialmente consagradas. Com três intensos e empolgantes pontos de arremessos, essa atração é incomparável,” disse Stewart Clark, presidente e gerente geral do Busch Gardens Tampa Bay. “Essa novidade é a prova do nosso continuo processo de investimento no parque, e trará uma inovadora experiência para nossos visitantes.”

Divulgação

Para consolidar ainda mais a liderança do Busch Gardens como principal parque da Flórida em atrações radicais, mais novidades surgem no horizonte – uma segunda atração radical chegará à área da Gwazi em 2020.

As novidades irão se juntar a lista de atrações favoritas dos amantes de adrenalina, que inclui Cheetah Hunt, a mais longa montanha-russa do parque, SheiKra, uma montanha-russa sem piso de 60 metros de altura, Falcon´s Fury, uma torre de queda livre de 100 metros de altura, Montu, uma montanha-russa invertida, Kumba e Cobra´s Curse, para citar algumas.

Com o nome inspirado no maior felino do mundo, Panthera tigres, a nova atração está sendo construída na área da Stanleyville próximo à Jungala, lar dos tigres de bengala, espécie que está em extinção. Além deles, o Busch Gardens é lar de tigres-malaios, uma subespécie que apresenta menos de 500 indivíduos remanescentes na vida selvagem. Os felinos residentes do parque fazem parte do Plano de Sobrevivência de Espécies da Association of Zoos & Aquariums.

Divulgação

Mais de 100 mil tigres viviam nas terras e florestas asiáticas há cerca de 100 anos. Agora, todas as subespécies deste felino estão em extinção, e há menos de quatro mil tigres remanescentes na vida selvagem. Entre os principais motivos da extinção da população de tigres estão caça furtiva, invasão humana nos habitats, desmatamento e perda de espécies de presas vitais.

A fila da nova montanha-russa Tigris terá conteúdo educacional sobre a difícil situação destes animais na vida selvagem e o que os conservacionistas – incluindo o SeaWorld & Busch Gardens Conservation Fund – estão fazendo para salvá-los. Além disso, a compra de qualquer mercadoria na loja de presentes da Tigris fará a diferença, já que 5% do valor da venda será doado para o SeaWorld & Busch Gardens Conservation Fund para proteger os tigres e seus habitats.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


About us

Leverage agile frameworks to provide a robust synopsis for high level overviews. Iterative approaches to corporate strategy foster collaborative thinking to further the overall value proposition. Organically grow the holistic world view of disruptive innovation via workplace diversity and empowerment.


CONTACT US

CALL US ANYTIME



Latest posts