Como escolher o hotel perfeito para levar crianças

É verão e, muitos pais, nesta época do ano, costumam viajar com seus filhos e curtir os dias quentes em hotéis e resorts que oferecem diversas atividades para família.

Porém, existem pontos que devem ser considerados pelos pais antes de fechar um pacote. O co-CEO e cofundador do Zarpo, Alexis Manach, dá algumas dicas do que deve ser levado em conta na hora de escolher o hotel ou resort para passar as férias com as crianças, confira:

Espaço Kids

Espaço separado das demais áreas do hotel que possuem brinquedos, jogos e outras atividades 100% focadas nas crianças. Além das atividades, a interação entre as crianças do hotel é maior por se tratar de um local só para elas e com pouca intervenção de adultos.

Recreadores

São pessoas especializadas para promover atividades adequadas para cada faixa etária. Geralmente ficam no espaço kid’s e também desenvolvem atividades culturais em todo o hotel.

Berço e carrinho de bebê

Por incrível que pareça, não é todo o hotel que possui esse tipo de item. Ter que levar implica em uma logística muito maior para os pais. Conferir se o hotel disponibiliza pode facilitar e muito a viagem.

Copa

Para quem tem filhos menores é um espaço essencial. Muitas mães precisam preparar uma mamadeira, ou preferem preparar o próprio lanche do bebê e a copa baby é o onde isso pode ser feito. Geralmente contempla vários tipos de leite, frutas, micro-ondas, geladeira e até mesmo fogão.

Tipo do quarto

É muito importante verificar como as crianças serão acomodadas e qual é a infraestrutura do quarto. Para os pais que buscam privacidade, existem os “quartos conjugados” onde a criança fica numa ala separada por uma porta. Para os pais que preferem ter por perto, existem quartos onde a criança dorme no mesmo ambiente.

Alimentação

Qualquer tipo de intolerância para refeições deve ser informado previamente ao hotel. A maioria deles providencia um cardápio especial para o conforto do hóspede.

Idade

Cada hotel estipula um limite de idade para crianças ficarem hospedadas gratuitamente, desde que acomodadas com os pais. É importante ter atenção a esse item na hora de contabilizar o valor final da estadia. Temos muitos casos que os pais não se atentam e a criança é sim de uma idade pagante e acabam tendo problemas depois.

Outro fator importante é que também há um mínimo de idade estipulada para a criança ficar sem um adulto responsável no kid’s club e outras atividades com recreadores. Por segurança, geralmente menores de 3 anos precisam ter os responsáveis por perto integralmente nos hotéis.

Texto: Assessoria Zarpo

Fotos: Malinha Pronta

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


About us

Leverage agile frameworks to provide a robust synopsis for high level overviews. Iterative approaches to corporate strategy foster collaborative thinking to further the overall value proposition. Organically grow the holistic world view of disruptive innovation via workplace diversity and empowerment.


CONTACT US

CALL US ANYTIME



Latest posts