É Tudo Família! no Teatro Alfa

Do mesmo núcleo artístico de Scaratuja, peça voltada à primeira infância, Marcelo Peroni e Aline Volpi, atores, produtores e sócios da Catarsis, apresentam a nova criação do grupo, desta vez, para um público a partir de 8 anos, que teve como mote o desejo da construção de uma encenação sobre família. “É tudo família”, livro da autora alemã Alexandra Maxeiner serviu de inspiração para a criação dramatúrgica da peça que estará em cartaz no Teatro Alfa, a partir de 4 de agosto, aos sábados e domingos, às 16h. Em cena estão os atores Aline Volpi, Ana Paula Castro, Marcelo Peroni e Vladimir Camargo.

O que é família? É possível escolhê-la? Laços que se formam a partir de relações não catalogadas ou comumente aceitas podem levar esse nome? Se não, qual nome dar aos cada vez mais diversos tipos de união que existem? Seriam uma espécie de “genérico” de família? Receberiam o nome do seu princípio ativo, nesse caso, “Amor”? Kiko Marques, diretor convidado para o trabalho diz que: “Mais do que tentar responder essa pergunta a ideia foi, desde o início do projeto, lançar sobre o tema um olhar desprovido de preconceitos, mas também de bandeiras. Como o olhar do menino que diz: “o rei está nu”. Um olhar que não julga, apenas diz o que vê. Ainda que o que vê passe pelo crivo de seu olhar, não há julgamento. Há a nudez do rei”. “No caso de nossa peça, poderíamos adaptar a definição para “dizer aquilo que vê. Mas como fazer isso se o que se aprende não corresponde ao que se vê. Como dizer o que se espera que seja dito: “que belas roupas o rei está vestindo” se o rei está nu? É sobre esse dilema que se debruçam nossos pequenos heróis. De um lado, conceitos estáticos, como totens. Do outro, vida que se vê, suas contradições e suas diversas formas de amar e cuidar”, complementa Kiko Marques. A cenografia de Marisa Bentivegna aposta na ambientação em consonância com a direção e traz uma tradicional sala de aula com a emblemática lousa e seus vários significados.

Divulgação

Sinopse

Dá para responder rápida e objetivamente “o que é família”? Davi, Lucas, Lucinha e Júlia têm 9 anos e 1 hora para dar esta resposta em forma de seminário, na frente da classe inteira e do professor bem bravo. Só que Davi tem uma irmã, um meio-irmão e duas meias-meias-irmãs; tem uma mãe e um meio-pai, um pai e uma meia-mãe, um meio-meio-pai e uma meia-meia-mãe. Lucas tem uma irmã, um pai e uma mãe; quando briga com a irmã, ele vai pra casa dos avós. Lucinha tem pais que nem se falam; mora só com a mãe; e queria ter um irmão pra brincar. Júlia não tem irmãos, mas tem tudo em dobro; mora metade da semana com o pai e metade da semana com a mãe. Então, eles não sabem o que dizer: família é um grupo de pessoas com laços de sangue? Ou um grupo de pessoas que moram na mesma casa? Ou um grupo de pessoas que se gostam? Ou um grupo em que há pai-mãe-filhos? Ou é tudo família?

Serviço

É tudo família!

Quando? De 4 de agosto a 23 de setembro

Onde? Sala B do Teatro Alfa (Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722, São Paulo)

Que dias e horários? Sábados e domingos, às 16h

Qual a duração do espetáculo? 60 minutos

Quanto custa? R$ 40,00 (inteira para adultos) e R$ 20,00 (meia para crianças, estudantes e maiores de 60 anos).

Pra que idade? Livre. Indicado para crianças a partir de 8 anos.

Seja o primeiro a comentar em "É Tudo Família! no Teatro Alfa"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*